O Apanhador no Campo de Centeio

Padrão

IMG_0444

Publicado em meados da década de 40 O Apanhador no Campo de Centeio teve uma grande repercussão na mídia da época e gerou muita polêmica. O escândalo em torno de Holden Caufield, personagem principal do livro, se dá ao fato dele ir contra as hierarquias familiares puritanas daquele momento. Ele é completamente desprovido da noção de dever familiar, não dá importância para os estudos e está sendo expulso da quarta escola.

Ao ir embora, Holden resolve partir bem de noite, se despede dando um grito no corredor do internato: “Durmam bem, seus imbecis”. Confessa que chora ao olhar uma última vez para a escola, mas na verdade nem sabe porque as lágrimas escapam, não gosta mesmo de nada daquilo.

Foi para a estação de trem a pé e como as férias de Natal só iam começar na quarta feira, mas Holden teve que deixar a escola no sábado, resolveu que ia passar os dias que faltavam em um hotel e só voltaria para casa quando todos os outros alunos também voltassem, assim seus pais não desconfiariam do ocorrido.

Ao se hospedar em um hotel no centro de Nova York, conclui que o lugar estava cheio de tarados e malucos, sendo ele mesmo o mais normal de todos, fato que não considerou muito vantajoso. Holden passa os dias perambulando pela cidade, vai ao parque para ver se os patos continuavam por lá mesmo depois do lago estar congelado — uma questão que parece interessar muito o personagem, já que ele pensa nisso com uma certa frequência — liga para uma prostituta de luxo, sai para conversar com pessoas desconhecidas e andar sem rumo pelas ruas. Ele passa os dias assim, sempre pensando na irmãzinha, Phoebe, a quem ele admirava muito e em seu irmão mais velho, que tinha ido para Hollywood, se considerava o único burro da família e isso o deprimia ainda mais.

Uma certa noite resolveu entrar na casa dos seus pais escondido para ver Phoebe e como se fosse um ladrão entrou em sua própria casa. Ao saber da ausência de seus pais se sente aliviado para conversar com a irmã, que mesmo tendo apenas 10 anos compreendia que seu irmão não estava em casa porque a escola havia o liberado mais cedo. Foi com ela que Holden desabafou todo o seu desagrado com a escola, o quanto ele se sentia mal e deprimido lá. Sabia que ela era nova de mais, mas era inteligente o suficiente para entender. Phoebe ficou calada apenas escutando os relatos dele, percebeu que ele precisava falar, que ia fazer bem ter alguém que o ouvisse de verdade. Assim, é para a irmã que ele confessa seu maior desejo: viver no campo de centeio.

“Seja lá como for, fico imaginando uma porção de garotinhos brincando de alguma coisa num baita campo de centeio e tudo. Milhares de garotinhos, e ninguém por perto – quer dizer ninguém grande – a não ser eu. E eu fico na beirada de um precipício maluco. Sabe o que eu tenho de fazer? Tenho que agarrar todo mundo que vai cair no abismo. Quer dizer, se um deles começar a correr sem olhar onde está indo, eu tenho que aparecer de algum canto e agarrar o garoto. Só isso que eu ia fazer o dia todo. Ia ser só o apanhador no campo de centeio e tudo. Sei que é maluquice, mas é a única coisa que eu queria fazer. Sei que é maluquice”.

Ao terminar a visita para a irmã ele vai direto para casa do professor Antolini, para quem ele abre o peito e diz estar tão perdido e decepcionado com tudo que nem sabe mais o que fazer. É nessa hora que seu mestre passa uma lição de moral:

“Entre outras coisas você vais descobrir que não é a primeira pessoa a ficar confusa e assustada, e até enjoada, pelo comportamento humano. Você não está de maneira nenhuma sozinho nesse terreno, e se sentirá estimulado e entusiasmado quando souber disso. Muitos homens, muitos mesmo, enfrentaram os mesmo problemas morais e espirituais que você está enfrentando agora. Felizmente, alguns deles guardaram um registro de seus problemas. Você aprenderá com eles, se quiser. Da mesma forma que, algum dia, se você tiver alguma coisa a oferecer, alguém irá aprender alguma coisa de você. É um belo arranjo recíproco. E não é instrução. É história. É poesia”.

Holden acaba dormindo no sofá e acorda atordoado com seu professor sentado no chão olhando para ele dormindo. Ele se sente angustiado com aquilo, saí frustrado sem nem pensar direito para onde ia e sem a menor noção das horas.

A história termina com um último encontro com Phoebe antes dele voltar para casa, não se sabe ao certo o que aconteceu depois. Pois, nas últimas palavras do personagem ele já está na casa de recuperação.

Anúncios

Uma resposta »

  1. Pingback: Falando sobre O Apanhador no Campo de Centeio | Uma vida por livro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s